Cover of O Marquez De Pombal

O Marquez De Pombal

Auhtor: Angelina Vidal

Language: english
Published: 1882

Genres:

poetry
Downloads: 209
eBook size: 306Kb

Review by O. Brown, June 2010


Rating: (*****)
Copyright: Public Domain in the U.S.
Please check the copyright status in your country.

Excerpts from the Book 'O Marquez De Pombal':

... luz da Philosophia, by Angelina Vidal. Title: O Marquez de Pombal luz da Philosophia. Author: Angelina Vidal. Release Date: November 14, 2008 ...
... ovaes se eleva norte a sul. No seio do paiz, palpita a festa ingente,. Mil eccos de alegria ondulam pelo azul,. E a vaga popular circula vivamente. Que ...
... viellas,. Adornam-se com arte as donas e donzellas,. E os sinos vo chamando os fervidos catholicos. Aos festejos do templo, e aos canticos symbolicos. Entoa ...
... se o terror gerasse a crueldade,. Para opprobrio veraz da cra humanidade,. No cahos tumulento anda essa immunda plebe. Que rouba, que assassina, ...
... embora a Patria em noute de desgosto. Os cofres tinham ouro. Que importa se a Raso traz lagrimas no rosto. Por isso se indignou o esteio ...
... aurora,. L foi tambem lanado morte, ao cho do lucto. O que ha que justifique o horror de taes supplicios. Que espirito medonho,. No treme ao ...
... solo, a chuva innunda a ceara,. A Gloria cria a Fama, a Gloria tece o lucto. A Ideia rasga a entranha me commum, Terra,. E tira-lhe do ser, minerio, ...
... destacar-se uns sons dolosos,. Que a Naturesa arranca das entranhas,. E que vibram no valle e nas montanhas. E comtudo nos floridos caminhos. Balouam ...
... traz o padre, e de outro o algoz. De ventas dilatadas. E a estupida expresso de um ser feroz. As brancas mos ligadas,. Veem roxas das auras ...
... s geraes os negros rastros. Dos portentosos astros. E chama-se Consciencia eterna fora,. Que os seculos correndo,. Sem que a linha traada alguem ...
... que a lei castiga. Um ser vidente e bom, que aclara a escurido. Com o facho viril da leal Revoluo. Como que a Lei intriga. Como que ...
... que na Europa o sopro percorria. Da clara discusso da s philosophia. Desde o seculo doze, a duvida christ,. Buscava escalpellar o craneo de Satan. Pierre ...
... via j na f uma utopia immensa. Breve, Thomaz d'Aquino, imigo da Raso,. Antepunha ao Progresso a fera inquisio. Mas Bacon, um titan, repelle ...
... a mente e pondo em toda a parte. O gosto da Poesia, e pelos brilhos da arte. Ento o aureo paiz dos inclitos vares. Produz um sol gigante o esplendido ...
... china oppunha-se utopia. Da lenda de Moyss a sciencia cada dia. Os cerebros levava nova experiencia,. Que em breve provaria forte intelligencia. A ...
... e com visivel gloria,. De lhe aplainar a rude e fria trajectoria,. Por meio da instruco. Affirma-o sem rodeio o manifesto empenho. Com ...
... me impelle lucta da inclemencia. Que aqui, n'este paiz de cousas pequeninas. Odeia a quem cultiva as rosas christalinas. No corao do Bem, Progresso ...
... se ha de ento fazer aos grandes luctadores,. Que lanam sobre a Historia as olorosas flores,. E regam com seu sangue os fructos do porvir. Que ...
... Row by Anna Katharine Green. A short story by Anna Katharine Green.Annie Besant : The Freethinker Text Book Part IiThe Freethinker S Text Book Part ...
... quite enjoyed this book.Annie Fellows Johnston : Cicely And Other StoriesCicely and Other Stories and Other Stories, by Annie Fellows Johnston ...