Cover of A Cidade E As Serras

A Cidade E As Serras

Auhtor: Eca de Queiroz

Language: english
Published: 1901

Genres:

fiction and literature
Downloads: 43
eBook size: 520Kb

Review by Dr. Bojan Tunguz, August 2006


Rating: (****)
Copyright: Public Domain in the U.S.
Please check the copyright status in your country.

Summary of the Book 'A Cidade E As Serras':

nao tenhocomentrios

Excerpts from the Book 'A Cidade E As Serras':


... se escondesse dos seus olhos, ou que ante a sua vivacidade e pressa uma gaveta perfida emperrasse. Quando um dia, rindo com descrido riso da Fortuna ...
... ethereamente, havia um anno, a symbolia rapsodica do cerco de Troia, n'uma vasta composio, Helena Devastadora. Eu coava a barba:. -No, Jacintho, ...
... que um era para as ostras, outro para o peixe, outro para as carnes, outro para os legumes, outro para as fructas, outro para o queijo. Simultaneamente, ...
... Ella parra deante da Machina-de-contar, de que Jacintho j lhe fornecera pacientemente uma explicao sapiente. E de novo roou os buracos d'onde espreitam ...
... Temos aqui um explendido ramalhete de flres de Civilisaco, com um Gran-Duque no meio. Imagine uma bomba de dynamite, atirada da porta. Que bello ...
... se soccorria Jacintho da Dynamica. E agora era por interveno d'uma machina que abotoava as ceroulas. E simultaneamente, ou em obediencia sua Ida, ...
... e sombrios tubares do mar humano, s abandonaro ou affrouxaro a explorao das Plebes, se uma influencia celeste, por milagre novo, mais alto que os ...
... desabaladamente, encontrei um velho inglez de penca flammejante que habitra o Porto, conhecra o Ricardo, o Jos Duarte, o Visconde do Bom Successo, ...
... do pap at photographia do Carocho perdigueiro, a galeria da minha Familia. E nunca o meu Principe (que eu contemplava esticando os suspensorios) me ...
... sorriso, mais avivado quella hora pelo vermelho ainda humido. Logo atraz a barba talmudica de Ephraim negrejou, fresca tambem da brilhantine da manh, ...
... laranjaes rescendentes. Caminhos de lages soltas circumdavam fartos prados com carneiros e vaccas retouando:-ou mais estreitos, entalados em muros, ...
... uma convico immensa. que estou com uma fome. Santo Deus. Ha annos que no sinto esta fome. Foi elle que rapou avaramente a sopeira. E j espreitava ...
... Fernandes, muita magreza. Jacintho voltava com um mao de jornaes cintados:. -Era o carteiro. J vs que no amuei inteiramente com a Civilisao. Eis ...
... amarello debruado de seda azul. A ceremonia, de resto, reclamava muita singeleza por serem to incertos, quasi impessoaes, aquelles restos, que ns estabeleceriamos ...
... vassalagem. De certo o empecia a preguia, e talvez ainda o pudico recato de transpor toda a immensa distancia que se alargava desde a sua complicada ...
... pobre mulher. E os remedios que os vo buscar logo a Guies. E recommendao ao medico para voltar manh, e em cada dia at que ella melhore. Escute. E quero, ...
... agora, lavar, escovar, e ao almoo. A tia Vicencia pareceu toda surprehendida, e logo encantada com o meu camarada, que ella suppuzera realmente um Principe, ...
... succederam em Paris. O Jacintho, por causa d'um peixe muito raro, que lhe mandra o Gro-Duque Casimiro, dava uma magnifica ceia, a que o Gro-Duque. o ...
... uma escura humanidade formigando entre patas e rodas, n'uma pressa inquieta. Aquelle movimento continuado e rude bem depressa entonteceu este espirito, ...
... a visitar o 202. Ao passar na Magdalena, deante da estao dos omnibus, pensei:-Que ser feito de Madame Colombe. E, oh miseria. pelo meu miseravel ...